O casamento oficializado é um sonho para muitas pessoas, tanto para homens quanto para mulheres. Trocar alianças pode ter um significado forte, principalmente para quem tem bases religiosas. E é aí que entram os gastos com a cerimônia e a recepção de convidados!

Mas acontece que, hoje, muita gente tem repensado se deve ou não fazer uma festa de casamento. Os custos são geralmente altos e o investimento acaba sendo direcionado para objetivos mais concretos, como comprar um apartamento.

Você está justamente com essa dúvida, não é mesmo? Então, encontrou o post certo. Continue lendo e veja que existem uma série de novos gastos que vão surgir após o casamento. Vocês precisam estar preparados financeiramente! Certo?

Os gastos mensais vão dobrar depois do casamento

A partir do momento em que você decide morar com outra pessoa, pode ter certeza de uma coisa, o orçamento mensal vai aumentar. Na verdade, é uma regra simples de matemática: se são duas pessoas, tudo agora será em dobro.

É claro que a decisão entre fazer a festa de casamento ou não é uma questão pessoal. Mas não é muito coerente gastar todas as suas economias em apenas um dia, sendo que novas necessidades vão surgir na vida a dois. Endividar-se com festa pode ser o pé esquerdo no início do casamento.

Vocês precisam financiar ou comprar um apartamento

Depois de se casar, nada mais óbvio do que ir morar junto. Mas onde? Para não ter que voltar para a casa dos pais ou para o antigo apartamento de cada um, o ideal é se planejar para adquirir o próprio lar do casal.

Se comprar um apartamento ainda está fora de cogitação, fazendo festa de casamento essa realidade ficará mais longe ainda! Você pode optar, por exemplo, por financiamentos que não excedam o rendimento do casal. O ideal é que eles não ultrapassem 30% da renda dos dois, para que não os deixem vulneráveis diante de algum imprevisto.

Os preparativos da festa de casamento podem ser desgastantes

Uma festa de casamento é um evento como qualquer outro, seja ele de pequeno, médio ou grande porte. Escolher a decoração, cada detalhe do buffet, a lista de convidados, dentre outras coisas pode te deixar completamente cansada, ansiosa e estressada.

Além dessas escolhas, ainda existe a parte burocrática e financeira, que deixa qualquer pessoa de cabelo em pé. Então, pense bastante: será que vale tanto desgaste e tantos gastos? Será que é interessante centrar tanto esforço e dinheiro em algo que só deixará lembranças, mesmo que boas, em um álbum de fotografias?

Talvez seja melhor focar em um novo projeto de vida e comemorar a união do casal de uma forma diferente e mais econômica. Vocês podem fazer uma viagem bacana, por exemplo. Já pensou nessa alternativa?

Comece a vida a dois de forma mais tranquila! A maioria das pessoas se esquece de que o casamento de verdade acontece depois da troca das alianças, no convívio diário e na construção de uma vida a dois. É preciso ter planejamento e maturidade para encarar as novas questões financeiras que vão surgir, como comprar um apartamento, por exemplo.

Alguns brincam que ninguém vive só de amor, e essa é bem uma verdade. Por isso, pense bastante se vale a pena gastar com uma festa ou se vocês devem investir no futuro da nova família de vocês.

Assine também a nossa newsletter e receba mais informações que podem te ajudar nessa e em outras decisões!

Deixe uma Resposta